Quanto custa um website em 2014?

Quanto custa um website em 2014

É um dado adquirido: uma empresa que se queira manter credível e competitiva tem de ter uma imagem web actualizada e funcional. É uma questão que qualquer director hoje se coloca. Mas por onde começar? E mais importante: como escolher?

Uma pequena/ média empresa decide fazer um website para divulgar a sua marca e solicita orçamentos a várias empresas. E é aí onde tudo se complica. Para as mesmas especificações e solicitações, uma empresa pode receber orçamentos tão díspares que se torna confuso perceber o que ao certo está a adquirir. Os valores apresentados por empresas de webdesign para um website institucional simples pode ir dos 700 euros aos 10.000 e até mais. E nisto não incluímos os valores praticados por freelancers. Porquê esta disparidade de preços?

Muitas vezes as empresas de webdesign assumem serviços e funcionalidades que podem, ou não, fazer sentido às necessidades de determinado cliente.

Veja o que a sua empresa efectivamente necessita, o que já tem, e passe essas informações à empresa a quem solicitou um orçamento:

  • o site é novo, feito de raiz, ou é o redesign de um site já existente?
  • já têm um documento preparado com todas as especificações que pretende para o site? Ou prefere que a empresa de webdesign lhe apresente sugestões e uma análise de solução?
  • precisa de apoio a fazer a manutenção da informação do site ou a sua empresa pode fazê-lo internamente?
  • já tem o design e a estrutura gráfica definida?
  • pretende suporte multimédia no website, como vídeos?
  • já tem todos os conteúdos estruturados para o website?
  • pretende que seja feita alguma comunicação aos seus clientes, como newsletters, ligação a Redes Sociais, etc?
  • pretende que o website tenha algumas funcionalidades adicionais? Como lojas online, catálogos, sistemas de CRM ou de recrutamento, de calendário, notícias, etc?
  • como está definida a manutenção técnica do website?

Estas questões é que vão fazer a diferença entre um website custar 500 ou 10.000 euros (ou mais). Veja se na proposta que recebeu tem estas questões definidas para saber ao certo o que está a comprar. Pergunte tudo o que tiver dúvidas: não se sinta intimidado por palavras demasiado técnicas ou confusas – se está num orçamento, tem de ser compreendido.

E depois de definido, ao certo, o que pretende já pode escolher qual a proposta mais adequada à sua empresa. Converse com a sua empresa de webdesign, veja o que é mais importante agora e o que pode ser adicionado no futuro. O importante é que quando tomar uma opção seja consciente do que está a adquirir, para poder ter o seu novo website pelo preço mais adequado possível.

 

Cristina Dias
Business Development @ Selmax

Comments ( 0 )

    Leave A Comment

    Your email address will not be published. Required fields are marked *

    Peça uma cotação